Albumina

A albumina é uma proteína intrínseca – ou seja, produzida pelo nosso corpo – que compõe grande parte do plasma sanguíneo (ela consiste em 70% dos elementos “sólidos” dele) e é essencial para o funcionamento do organismo. Ela é produzida pelo fígado e exerce diversas funções que asseguram o bom funcionamento do corpo. Grande parte de sua função é atuar como uma “carregadora” de substâncias, se ligando a compostos hidrofóbicos – que não se ligam facilmente com a água – e colaborando para que eles sejam transportados pela corrente sanguínea. Além disso, a albumina também carrega essas moléculas para dentro e fora dos tecidos, e sem ela essa atividade não seria possível.

 

Outra importante atividade da albumina é assegurar que o equilíbrio de água entre os tecidos e o sangue seja adequado. Quando ela diminui, a água presente nos vasos sanguíneos extravasa para as células em contato com esses vasos, causando um edema generalizado. É por isso que nas doenças crônicas que cursam com a hipoalbuminemia o portador está sempre inchado.

 

Ainda, ela está relacionada com os processos de coagulação sanguínea. Quando ela está em falta, então, podem ocorrer eventos hemorrágicos, dificuldade na cicatrização de lesões e até um aumento do volume do ciclo da menstruação nas mulheres. A albumina produzida pelo nosso corpo é a chamada soroalbumina. Por sua importância no funcionamento e metabolismo, o consumo da albumina derivada da clara do ovo como suplemento é uma alternativa para melhorar as atividades dependentes dessa proteína tanto em pessoas sadias como nas que apresentam certas doenças.

 

Os benefícios da suplementação com albumina


Em primeiro lugar, a suplementação com os produtos de albumina vai muito além dos benefícios apenas dessa proteína, já que, na maioria das vezes, eles contêm substâncias adicionais que também contribuem para o corpo e seu bom funcionamento. Assim, além da proteína da clara do ovo desidratada, eles também apresentam ferro e vitaminas.